quarta-feira, 22 de março de 2017

EQUILÍBRIO E HARMONIA - As 7 melhores posições sexuais para a mulher

Conheça as posições sexuais que prometem te dar prazer extra na hora do sexo, ajudando a alcançar o orgasmo














Você tem suas preferências quando o assunto é posições sexuais? Uma das coisas mais legais do sexo é a variedade de formas de fazer e tem opção para todos os gostos. Preferências à parte, sempre tem aquele jeitinho que cada um gosta mais, que aumenta a excitação, que se encaixa em suas fantasias e que dá mais prazer.
Certas posições podem ser mais prazerosas para as mulheres por estimularem outros pontos erógenos ou por causarem mais excitação imaginária. As que estimulam o clitóris ou permitem uma possibilidade maior de toques em geral costumam ser as mais eficientes.
Imagem relacionada
No caso das mulheres, quanto mais incentivos para aumentar o prazer, melhor. Em variadas pesquisas, o índice de mulheres que dizem nãochegar ao orgasmo é alto, cerca de 30%. Além disso, 47% das mulheres não atinge o orgasmo apenas com a penetração.
Por isso, buscar posições sexuais que além de agradar seu parceiro, aumentam sua sensibilidade e facilitam que você alcance o êxtase, é uma ótima dica para esquentar sua vida sexual. Afinal tem que ser bom para os dois.
Focar nas sensações e não no ato em si é uma boa dica para aumentar a duração do sexo e obter mais orgasmo, de acordo com a psicóloga especialista em Sexualidade Humana, Sônia Eustáquia Fonseca. “Quanto mais foco nas sensações e consciência corporal uma pessoa tem, maior será a sua chance de prolongar o prazer do ato sexual. É bom pensar que fazer amor e sexo é algo que pode acontecer na vida de todos, pela vida toda, e que é muito prazeroso em todas as suas fases de contato, não apenas o orgasmo pode ser considerado como forma de prazer”, completa.
Variar nas posições sexuais não tem nada a ver com contorcionismo. Entre tantas opções com graus de dificuldade diferentes, com certeza tem algumas posições que te agradam mais e outras menos. A boa notícia é que a maioria das posições listadas aqui consta também nas favoritas dos homens. Não é muita sorte?

1. Cavalgada

1 posicao cavalgada As 7 melhores posições sexuais para a mulher
Foto: Reprodução
Na cavalgada, a mulher fica sentada em cima do seu parceiro que está deitado. Essa posição é uma das mais citadas e seu enorme efeito se deve à liberdade que a mulher tem de comandar os movimentos ao mesmo tempo em que toda a vagina está em contato com o corpo masculino.
“Nessa posição a mulher fica no comando dos movimentos e isso faz com que ela busque mais, dentro de si mesma, a sua capacidade de autonomia sobre suas fantasias, que aumentam a excitação, que antecedem o orgasmo”, enfatiza a psicóloga Sônia Eustáquia Fonseca.
Em cima do seu parceiro você terá o controle da velocidade, da profundidade e dos movimentos pélvicos. E eles adoram a visão privilegiada que têm do seu corpo e a sua iniciativa de comandar a brincadeira.
A cavalgada é uma posição relativamente fácil, exigindo apenas uma preparação física leve da mulher, que usará as pernas para fazer os movimentos.

2. De ladinho

2 posicao de ladinho As 7 melhores posições sexuais para a mulher
Foto: Thinkstock
A posição da colher ou de ladinho é aquela que chamamos de “conchinha”. O casal deita-se de lado, a mulher de costas para o homem que a penetra por trás. Essa posição é muito excitante e não exige grande esforço de nenhum dos dois. As mãos de seu parceiro estarão livres para estimular seus mamilos e seu clitóris.
Também é uma excelente posição para o sexo anal, justamente pela facilidade de estímulos múltiplos.

3. De quatro

3 posicao de quatro As 7 melhores posições sexuais para a mulher
Foto: Reprodução
Uma das preferidas dos homens também pode ser ótima opção para as mulheres. Na posição de quatro ou “cachorrinho” a mulher apoia as mãos e os joelhos na cama enquanto o homem a penetra por trás.
Você ainda pode empinar seu bumbum para que a brincadeira fique mais excitante e a penetração mais profunda. Essa posição tem grande apelo visual para os homens, aumentam a libido feminina por se sentirem dominadas e não exige grande esforço de nenhum dos dois.

4. Em pé

4 posicao em pe As 7 melhores posições sexuais para a mulher
Foto: Reprodução
Essa é uma opção simples, que exige pouco esforço físico, mas que pode ser muito gostosa para ambos. De pé, a mulher se apoia com as mãos na parede enquanto o homem a penetra por trás.
Além de permitir uma penetração profunda, seu parceiro terá as mãos livres para acariciar seus seios, estimular seu clitóris ou segurar sua cintura com uma boa pegada.

5. 69

5 posicao 69 As 7 melhores posições sexuais para a mulher
Foto: Reprodução
Sexo oral é sempre uma ótima pedida para ambos os sexos. E o 69 é uma posição tão adorada justamente por permitir que ambos façam e recebam sexo oral ao mesmo tempo. Tem como não ser delicioso? Para muitas mulheres, o sexo oral é a melhor ou até mesmo a única maneira de atingir o orgasmo.
Com o homem deitado de costas, a mulher se posiciona em cima dele, de forma invertida, apoiando-se nas mãos e nos joelhos, de modo que os dois possam alcançar o genital do parceiro com a boca. Essa é uma posição extremamente prazerosa e sensual.

6. Papai e mamãe

6 posicao papai mamae As 7 melhores posições sexuais para a mulher
Foto: Thinkstock
Não é porque tem esse nome que essa posição não tenha grande valor. Afinal, nada é clássico à toa. No papai e mamãe, a mulher deita com a barriga para cima e o homem deita-se em cima dela. As pernas femininas podem ficar esticadas para baixo ou abertas envolvendo o quadril do parceiro para melhorar a abertura vaginal.
Nessa posição os beijos são liberados, apertos e muitos olhares sensuais. O peso do seu parceiro fará pressão em todo o seu corpo e, principalmente, no seu clitóris, proporcionando um maior grau de prazer.

7. Parafuso

7 posicao parafuso As 7 melhores posições sexuais para a mulher
Foto: Reprodução
Considerada uma das melhores posições para o prazer da mulher, e também muito excitante para o homem. O grau de dificuldade pode ser um pouco maior, mas nada que com a prática não seja resolvido.
Nessa posição a mulher se deita na beirada da cama para permitir um melhor acesso do parceiro à penetração. Deitada, a mulher mantém as pernas bem juntas e levantadas. Em seguida ela faz movimentos com o quadril para os dois lados para que a vagina fique bem exposta. Em seguida o homem a penetra, seja em pé ou ajoelhado na cama, o que lhe for mais confortável.
A cada movimento, o clitóris será estimulado com a fricção, garantindo muito prazer, principalmente para a mulher. Além disso, o parceiro pode usar uma das mãos para acaricia-la no ânus ou nos seios.

EQUILÍBRIO E HARMONIA - SER a fonte - Viva hoje inteiramente no presente.

SER a fonte




























Sim: existem momentos em que nos sentimos absolutamente sozinhos, como se nada e ninguém, em momento algum, pudesse compreender nossos anseios e aflições. Não deixa de ser verdade: estamos sozinhos em nossa posição de ser o centro de nosso próprio Universo, pois nada nem ninguém, em tempo algum, será capaz de enxergar nossos anseios e aflições através de nossos próprios olhos.
Mas: não se esqueça da fonte. Não se esqueça da força criadora, com a qual podemos nos conectar a qualquer instante e na qual podemos buscar força e motivação, sempre que precisarmos. Nunca se esqueça de que eu, você e tudo o que há estamos conectados a esta fonte através de links invisíveis, pouco palpáveis aos olhos e sentidos físicos... Mas ela é o lugar de onde viemos e para onde voltaremos, já que tudo o que há e você e eu estamos conectados a ela.

Nunca deixamos de estar na fonte - nunca deixamos de SER a fonte. Por isso, ao se sentir sozinho em sua dor e aflição, volte sua atenção para a fonte. Seja a fonte, e perceba como toda a dor e angústia desaparecem.
O próprio medo desaparece, e o que permanece é tudo o que é, e sempre será.
Por: Flavia Melissa

Viva hoje inteiramente no presente.






































As pessoas de sucesso esquecem e por isso encontram novas oportunidades com facilidade.
Somente aqueles que se sentem pequenos desejam reparos com relação ao que já aconteceu.
Não deseje reparos, deseje avanços. O que partiu da sua vida é uma dádiva porque cria o espaço para sua renovação.
Não deixe que o ontem ocupe grande parte do seu momento.
Esteja o mais presente possível no dia de hoje . As coisas boas, curtir, amar e se entregar, somente são possíveis no momento do agora.
Seja alguém que esquece as coisas com facilidade. Se prender num acontecimento do passado ou em uma pessoa que o machucou é comprar sofrimento. Você se torna três coisas bem pouco atraentes: recalcado, ressentido e rejeitado.
Quem quer se relacionar ou fazer bons negócios na vida com um sujeito se sentindo assim????
Nunca conheci uma pessoa concentrada no ontem que teve um amanhã melhor. Nenhuma oportunidade é possível. A pessoa não está disponível.
Desprender-se é um ato que encerra mais poder do que agarrar-se a algo.
Desprender-se cria o espaço para novas oportunidades.
Viva hoje inteiramente no presente. Curta os sabores do dia, fique atento as paisagens ,as fragrâncias e a música que você escutar hoje. Esteja aqui, deixe o passado e as preocupações fora da sua jornada e você estará livre para ser feliz e enxergar as novidades que um novo dia carrega.
Intensidade, leveza e agilidade carregue esses recursos com você e torne o dia agradável para todos que tiverem o prazer da sua companhia.

Por:  Rosalia Schwark

EQUILÍBRIO E HARMONIA - Seja a Luz na vida dos outros

SÓ DEPENDE DE VOCÊ


Não importa o tamanho da escuridão, sempre a pequena chama mesmo que uma única, é capaz de iluminar um estádio inteiro no escuro.
Esse é o meu trabalho diário, não importa o tamanho da escuridão que a pessoa que procura por minha ajuda se encontra, eu sempre me coloco na posição da pequena chama para iluminar a sua vida.



Ontem contei a uma cliente que me falava do seu ambiente hostil de trabalho e das dificuldades com a chefia autoritária, a história de Ben Franklin , que trouxe a ideia das luzes externas das casas para a cidade da Philadelphia , sendo a primeira cidade americana iluminada externamente. 

Quando ele teve a ideia e dividiu com os vizinhos, ninguém quis fazer, mas ele colocou a sua lanterna na porta de fora da sua casa e diariamente ascendia e gradualmente , muito lentamente, outros começaram a fazer. Sua decisão e persistência influenciou o comportamento de um país.

Seja a luz é uma ótima ilustração de como a vida funciona: Se você quer respeito, respeite. Se você quer amigos, seja amigo. Quer a luz das soluções , seja as soluções.

Propus a minha cliente que por uma semana o foco do seu alinhamento fosse ser a LUZ no seu ambiente hostil para que ela pudesse experimentar na prática a famosa lei do retorno- Você recebe da vida e dos outros o que você ASCENDE dentro de você!!!!! 

Rosalia Schwark

EQUILÍBRIO E HARMONIA - 5 mantras para atrair positividade - ESCOLHA SER FELIZ.....

5 mantras para atrair positividade


Resultado de imagem para EQUILÍBRIO E HARMONIA - 5 mantras para atrair positividade

Nossos pensamentos têm um poder imensurável. Eles afetam nossas sensações, nossas atitudes e tudo o que nos acontece, porque controlam, o tempo inteiro, aquilo que será atraído para a nossa vida. A boa notícia é que você é quem comanda esse poder. A má é que isso não é tão fácil quanto parece. É difícil porque estamos habituados a reclamar de tudo, a ver somente o lado negativo das situações e a remoer mágoas e problemas. É preciso esforço para manter pensamentos positivos, porque eles raramente vêm de forma natural. Quase sempre precisamos parar, refletir e ter muito foco e empenho para pensarmos em coisas boas.

Mantras para atrair positividade energias positivas

Os mantras são uma maneira de forçar nossa mente a pensar positivo. Eles funcionam por meio da repetição e é importante que sejam frases positivas, sem usar as palavras “não”, “nunca” e outras negativas, que apontam para o que você não quer. O mantra deve dizer aquilo que você quer. Não é necessário sentar em posição de meditação, estar em silêncio ou controlar a respiração (a menos que você queira), você pode repeti-los na sua mente em qualquer lugar: no carro, no ônibus, na cama antes de dormir, enquanto trabalha etc. Se não sabe como fazer isso, comece usando as frases abaixo e observe as mudanças que os pensamentos positivos trarão para a sua vida:

“Eu estou em processo de…”
 A maioria das pessoas consegue facilmente pensar no que quer, mas tem dificuldade em acreditar em seus próprios pensamentos. Você repete na sua cabeça: “eu tenho a situação financeira que desejo” ou “minha saúde é perfeita”, mas não consegue se sentir verdadeiramente assim, e aí o processo não funciona. Já as frases “eu estou em processo de alcançar a situação financeira que desejo” ou “eu estou em processo de conquistar a saúde perfeita” são muito mais críveis, porque você sabe que ainda não chegou no seu objetivo, mas consegue acreditar que está no caminho para realizá-lo.

“Eu escolho estar em paz”
Repita várias vezes essa frase até realmente se sentir em paz. Concentre-se nela e no poder que você tem de escolher como se sente. Imagine-se em paz, respire fundo, se acalme e repita muitas vezes. Em momentos de pressão e dificuldades ou naqueles momentos em que nos sentimos angustiados sem saber o por quê, é um excelente mantra para ajudar a relaxar.

Mantras para atrair positividade energias positivas

“Eu quero, eu posso, eu consigo”

Além de um mantra, essa frase deveria ser o lema de vida de todas as pessoas. Isso porque ela diz uma grande verdade: se você realmente quer algo, você pode e consegue! Use-o sempre que precisar melhorar sua autoconfiança ou quando bater o desânimo em relação a alguma área da sua vida que não está dando certo. Repetir essa frase até que você acredite seguramente nela te dará a força necessária para seguir em frente e conseguir aquilo que quer.

“Tudo vai dar certo”
Esse mantra geralmente é usado em momentos de desespero, quando a única coisa que nos resta é nos agarrarmos à fé. Realmente devemos usá-lo nesses momentos, para voltarmos nossos pensamentos para a positividade e atrair o melhor resultado ou solução. Mas ele, na verdade, deveria ser usado diante de todas as situações em que não sabemos qual será o final, independente da gravidade e importância, para reforçar nossa fé e nos acostumarmos a acreditar que tudo em nossa vida sempre caminhará para o lado positivo. Se você quer ser beneficiado sempre pelo poder dos mantras, deve usá-los sempre. Acostumando-se direcionar a sua mente para a positividade, mais coisas boas atrairá e menos momentos de desespero ocorrerão.

“Eu acredito em mim”
Você sabe que é capaz, mas de vez em quando fica em dúvida se é mesmo, principalmente antes de situações que podem transformar sua vida, como uma prova importante, uma entrevista de emprego ou ao começar um negócio. É difícil conter a ansiedade nesses momentos, mas você pode amenizá-las se utilizar o mantra para lembrar-se daquilo que já sabe: você é capaz.

- See more at: http://desassossegada.com.br/2013/11/13/5-mantras-para-atrair-positividade/#sthash.2ZhLeEea.dpuf

ESCOLHA SER FELIZ.....

Felicidade é um estado de consciência.




Não dependa dos outros para você ser feliz.
Pois felicidade é um estado de consciência.
E ser feliz é responsabilidade de todo ser.
Porque a vida é uma bênção!
Logo, jamais deixe que as atitudes alheias roubem sua luz.
A Vida é maior que você – e do que eu também.
Na verdade, a Vida é maior do que tudo.
E você está vivo. E todos também estão, na Terra, e além...
Então, seja feliz, só por você existir.
Para compartilhar sua luz com os outros, que também existem.
Porém, sem depender de ninguém.
Encarnados e desencarnados, todos nós existimos.
E, se somos felizes, ou não, isso só depende de nós mesmos.
Já temos o suficiente: nós existimos.
Então, que tal sermos felizes, só por isso?
A existência é a mesma, seja na Terra ou no Astral.
Aqui, ou Lá, a verdade é uma só: felicidade é um estado de consciência.
E quem reconhece isso, é feliz, sim, só por existir.

Paz e Luz em seu coração!


Wagner Borges

terça-feira, 21 de março de 2017

SAÚDE E EQUILÍBRIO - Cistite. Como ela ocorre? - Você já teve algum problema urinário e não sabia o nome dele? - Urocultura: o que é? Para que serve? Como este exame é feito?

Cistite. Como ela ocorre?

Resultado de imagem para SAÚDE E EQUILÍBRIO - Infecção urinária não tratada pode afetar os rins e até o sangue
O que é a cistite?
Cistite é uma inflamação da bexiga, causada por infecção bacteriana, agentes químicos ou quimioterapia. No primeiro caso, coincide com o que é chamado popularmente e até por médicos de infecção do trato urinário ou infecção urinária baixa.
Quais as causas da cistite?
As cistites incidem mais nas mulheres que nos homens (devido às diferenças anatômicas do trato urinário feminino em relação ao masculino, as quais favorecem o risco de desenvolver esta condição), nas pessoas idosas (devido à diminuição da resistência do organismo) e nas crianças pequenas (devido às deficiências de higiene).
Cerca de 70 a 90% das cistites são causadas por uma bactéria conhecida como Escherichia coli, este microorganismo é oriundo do intestino e pode migrar para o períneo e ascender até a bexiga. Outras bactérias, embora bem mais raramente, podem estar presentes.
As condições que mais comumente produzem infecção da bexiga são a má higienização das partes íntimas (limpeza das fezes de trás para frente, por exemplo), malformações do sistema urinárioconstipação intestinal, uso de diafragmas e fatores que retardem o fluxo urinário, como as pedras nos rins.
A presença de açúcar na urina, característica do diabetes mellitus, é um fator favorecedor da cistite. Assim também a gravidez, ao possibilitar a compressão sobre as vias urinárias pelo útero em crescimento.
O acometimento da mucosa vesical por substâncias tóxicas agressivas ou por irradiações devido à radioterapia são outras possíveis causas de cistites.
Quais os sintomas da cistite?
Imagem relacionada
O principal sintoma costuma ser uma frequente vontade de urinar com eliminação de apenas uma pequena quantidade de urina em cada micção, acompanhada de ardência. Geralmente ocorre também dor, localizada ao longo do trajeto da urina, no baixo ventre ou nas costas. Pode haver febre baixa. Se houver infecção, a urina pode ter mau cheiro ou mostrar a presença de sangue.
Como o médico faz o diagnóstico da cistite?
diagnóstico de cistite deve ser suspeitado, em primeiro lugar, por uma história clínica bem feita que reconheça os sintomas principais. Uma análise ou mesmo uma cultura da urina podem ajudar no diagnóstico. Em alguns casos, a ultrassonografia também prestará uma ajuda.
Qual o tratamento da cistite?
Se a cistite for consequente a uma infecção bacteriana, o tratamento terá como base a eliminação dela por meio do uso de antibióticos adequados. Além disso, devem ser utilizados medicamentos para controlar outros sintomas, como analgésicos, anti-inflamatórios e antiespasmódicos de acordo com a necessidade.
O médico (clínico geralurologistaginecologista ou pediatra, no caso de crianças) é a pessoa indicada para tratar a cistite.

Você já teve algum problema urinário e não sabia o nome dele? Conheça aqui os principais distúrbios urinários

Resultado de imagem para SAÚDE E EQUILÍBRIO - Infecção urinária não tratada pode afetar os rins e até o sangue

Como funciona o sistema urinário normal?
Anatomicamente, o sistema urinário é composto pelos rinsureteresbexiga e uretra. A urina é formada no interior dos néfrons, nos rins, daí flui para dentro dos ureteres e por meio deles chega à bexiga, de onde ganha o exterior pela uretra. Os dois rins filtram 1.000 a 1.500 ml de urina por dia, mas cada um deles é capaz de executar a função renal necessária à vida, se o outro é lesionado e se torna inoperante. A bexiga, por sua vez, pode conter cerca de 300 a 500 ml de urina. A excreção da urina regula a água presente no organismo, elimina os produtos de degradação e tóxicos, controla os eletrólitos e a pressão arterial. Os rins funcionam como o principal órgão excretor, embora cerca de 400 a 500 ml de líquidos sejam perdidos através da pele, dos pulmões e das fezes. O principal produto excretado pela urina é a ureia (25 a 30 gramas por dia), embora a creatinina e o ácido úrico também sejam normalmente excretados. A densidade específica da urina é de 1.015 a 1.025, quando a ingesta hídrica é normal.
Resultado de imagem para SAÚDE E EQUILÍBRIO - Infecção urinária não tratada pode afetar os rins e até o sangue
O que são distúrbios urinários?
Chama-se distúrbio urinário a qualquer alteração do ato de produzir e/ou excretar a urina, seja na quantidade, na frequência do ato de urinar, na densidade da urina, na retenção ou incontinência dela, na presença de dor ou ardência ao urinar ou na presença de substâncias estranhas em qualidade ou quantidade, como células, bactérias, sangueproteínasglicoseureiacreatinina, ácido úrico, etc.
Quais são os principais distúrbios urinários?
Os principais distúrbios urinários são:
  • Anúria: é a ausência da produção de urina, geralmente por uma parada de filtração renal. Muitas vezes esta ausência não é completa, mas se a quantidade de urina é muito pequena a condição é chamada pelo mesmo nome. Diz-se que existe uma anúria verdadeira quando a drenagem de urina é inferior a 100 mililitros por dia. Este nível de excreção prolongado é incompatível com a vida.
  • Oligúria: diminuição da produção de urina, geralmente abaixo de 800 ml ao dia, podendo ser muito menos. Em nível pré-renal a oligúria se dá em resposta à má irrigação renal, em situações como desidrataçãodiarreiachoque hipovolêmico ou grande hemorragia. Em nível renal ela se deve, por exemplo, a uma deficiente irrigação renal, medicações ou glomerulonefrite, entre outras causas. A oligúria pós-renal é consequência de obstrução do fluxo urinário, que pode acontecer por hiperplasia prostática benignacálculos renais, tumores, etc.
  • Disúria: etimologicamente disúria seria qualquer dificuldade para urinar, mas o termo é mais usado quando há uma sensação de dor, ardor ou desconforto ao urinar. Ocorre mais comumente em mulheres, na maioria das vezes causada por uma infecção urinária, embora possa acontecer também em homens e tem uma grande variedade de causas.
  • Poliúria: refere-se a um excesso de urina (acima de 2,5 litros por dia), frequentemente acompanhada de aumento da frequência urinária. Pode ter causas endócrinas, como a diabetes ou o hiperparatireoidismo, por exemplo, ou dever-se a doenças renais ou outras.
  • Polaciúria ou polaquiúria: aumento do número de micções em relação ao normal, com diminuição do volume da urina, a cada vez. Este é um sintoma característico da cistite ou de doenças da próstata, mas também ocorre fisiologicamente na gravidez.
  • Incontinência urináriaa pessoa perde urina involuntariamente, de forma contínua ou intermitente, espontânea ou por um esforço físico como rir, tossir, espirrar, etc. Em alguns casos a urgência em urinar é tão súbita e forte que não dá tempo de chegar ao banheiro. Ela pode dever-se a doenças que afetem o sistema urinário, mas sua probabilidade aumenta com o envelhecimento e é pelo menos duas vezes mais comum em mulheres que em homens. Também a obesidade, doenças neurológicas ou diabetes podem aumentar o risco de incontinência.
  • Retenção urináriaé o acúmulo de urina na bexiga resultante da incapacidade real de eliminá-la. Pode dever-se a um aumento exagerado da próstata, devido à hiperplasia prostática benigna ou ao câncer da próstata, a infecções, medicações anestésicas, pedras na bexigacistocele, estreitamento uretral, etc.
  • Infecções urinárias: é decorrente da presença de agentes infecciosos em alguma parte do sistema urinário. As infecções urinárias principais do trato urinário inferior são as cistites, as prostatites e as uretrites e do trato urináriosuperior são a pielonefrite, o abscesso renal e a nefrite intersticial.
  • Presença de substâncias estranhas na urina: presença na urina de substâncias habitualmente não encontradas nela ou encontradas em quantidades diferentes das detectadas, tais como sangue, bactérias, proteínasglicoseureiacreatinina, ácido úrico, etc.
De forma geral, os distúrbios urinários podem ser causados por malformações anatômicas, hereditárias ou congênitas, por infecções diversas, por tumores benignos ou malignos e por cálculos das vias urinárias. Além desses fatores, diretamente ligados ao sistema urinário, os distúrbios urinários podem também ser consequência de alterações nas estruturas anatômicas vizinhas, que repercutam sobre ele. Assim, várias condições ou doenças sistêmicas podem repercutir sobre os rins ou no sistema urinário restante, ocasionando distúrbios urinários. Entre eles, por exemplo, a desidratação, a hipertensão arterial, a diabetes e algumas doenças autoimunes.

Urocultura: o que é? Para que serve? Como este exame é feito?

Urocultura: o que é? Para que serve? Como este exame é feito?
O que é urocultura?
A urocultura (ou cultura de urina) consiste em colocar-se uma pequena quantidade de urina em um meio que favorece o crescimento de eventuais germes presentes, chamado “meio de cultura” e assim facilitar a detecção e a identificação deles. Ao mesmo tempo, os germes encontrados são submetidos a diferentes antibióticos, indicando a quais deles eles são sensíveis ou resistentes.
O exame simples de urina já pode indicar a presença ou ausência de micro-organismos, mas não é capaz de identificá-los. Normalmente, os rins e a bexiga são ambientes estéreis e por isso a presença de bactérias na cultura de urina é fortemente indicativa de infecção urinária, mas não quer dizer que sempre haja uma infecção de urina, porque algumas bactérias podem colonizar a uretra ou a bexiga sem produzir sintomas ou serem oriundas de contaminações exteriores.
Para que serve a urinocultura?
urinocultura (ou urocultura) é o exame mais indicado para indicar uma infecção urinária, seja da bexiga ou dos rins. Ela é também de ajuda quando o primeiro curso de antibióticos não eliminou uma infecção conhecida, para indicar outros antibióticos mais eficazes para tratá-la. Também está indicada em casos de febres de origem indefinida, para pesquisar uma possível infecção urinária ou quando uma infecção urinária é recidivante, e antes de procedimentos cirúrgicos urológicos, nos quais as vias urinárias devem estar esterilizadas. Mesmo que o médico tenha certeza quanto ao diagnóstico de infecção urinária apenas pelos dados clínicos, o antibiograma ajuda-o a escolher o antibiótico mais eficaz.
Como é feito o exame?
urina que se destina ao exame deve ser colhida em um frasco esterilizado, geralmente fornecido pelo laboratório que fará o exame e levada ao laboratório o mais prontamente possível. Se isso não for possível, a urina deve ser conservada em geladeira. De preferência, deve ser colhida a primeira urina da manhã, por ser a que ficou mais tempo na bexiga e que permite a maior multiplicação das bactérias. Para o exame, bastam 50 a 100 ml de urina. A região periuretral deve ser bem higienizada (principalmente nas mulheres), e o primeiro jato de urina, que faz uma lavagem da uretra, deve ser desprezado. Ao urinar, deve-se procurar que a urina seja vertida diretamente do meato urinário para o pote coletor, evitando o contato da urina com a pele do prepúcio (em homens) ou dos grandes lábios vaginais (em mulheres). Dessa forma, procura-se evitar a contaminação da urina por bactérias contidas nessas regiões.
O paciente não deve tomar nenhum tipo de antibiótico antes de colher a urina, embora possa tomá-lo antes do resultado do exame, que leva cerca de 48 a 72 horas, se o caso for muito agudo, modificando posteriormente o tratamento, se isso for necessário. Se a urina contiver micro-organismos, em 48 horas formam-se colônias de bactérias, permitindo assim a identificação do tipo delas e a que antibióticos elas são sensíveis.
Como é fornecido o resultado do exame?
Imagem relacionada
Normalmente, o resultado da urinocultura expressa o número de colônias de bactérias encontradas, os tipos de micro-organismos identificados e os antibióticos a que eles são sensíveis ou resistentes. É considerado um resultado positivo quando se identifica mais de 100.000 colônias de bactérias. O resultado se apresenta como duvidoso quando essas colônias estão abaixo de 100.000, mas na maioria dos casos um resultado abaixo de 10.000 colônias é desprezível. Pode haver um resultado falso positivo, quando há contaminação da urina por bactérias estranhas a ela, por sangue ou por drogas, ou um resultado falso negativo quando o paciente esteja tomando um antimicrobiano, diuréticos ou tenha um pH urinário abaixo de 6 (muito ácido).
ABCMED, 2015. Você já teve algum problema urinário e não sabia o nome dele? Conheça aqui os principais distúrbios urinários. Disponível em: <http://www.abc.med.br/p/sinais.-sintomas-e-doencas/755067/voce-ja-teve-algum-problema-urinario-e-nao-sabia-o-nome-dele-conheca-aqui-os-principais-disturbios-urinarios.htm>. Acesso em: 21 mar. 2017.